Mas ninguém entenderia, então guardei pra mim.

É quase que uma ansiedade louca de ver a “vida” dando certo, e parece que quanto mais essa ansiedade me pega, mais profunda se torna a queda. Mas lá vem a pergunta: queda de que? afinal de contas é isso que dizem quando você cria expectativas, mas o problema é, e quando não se cria?
A verdade é que mesmo que todos neguem, dizendo que são os fodões, que não se importam com nada, que nada os abala, a expectativa fica ali, bem no fundo, onde o orgulho de mostrar quem é não o deixa falar.
Aprendi a não esperar nada. Que engraçado, pois o que eu mais queria era não esperar nada e acontecer tudo. Ironia? Pois é. Mas ninguém entenderia.
Ninguém entenderia você, ninguém entenderia a mim. O problema é esse. As pessoas hoje em dia se tornam cada vez mais fala e cada vez menos ouvinte. Ouvir o outro é bom sabia? ouvir a mim é bom! Ai como é ironia é boa. Logo eu? que não ouço ninguém.
O bom é que talvez esse texto ninguém irá ler, ou melhor, ninguém irá entender, mas o que eu sei é que nesse dia frio, em que eu fico sozinha na minha bolha de sabão enorme sem saber o que fazer e vendo os dias passarem e tudo continuar na mesma, eu sei que vai passar, e sei também que o pior de tudo, é esperar passar. Ou talvez, o pior de tudo é ver que passou, mas que há de passar de novo, e ai sim, talvez a vida lhe surpreenda? me surpreenda?  Veremos.

Autor desconhecido.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s